Fitocon- Gisele

Adubação no cultivo da mandioca

Aqui você ficará sabendo sobre algumas práticas que ajudarão a conservar seu solo e consequentemente aumentar a produção, entra e confere


Adubação para o cultivo da mandioca

A cultura da mandioca não é tão exigente à adubação,  sendo que o excesso faz mais mal a ela do que a falta. Porém temos que tomar cuidado com o solo utilizado com essa cultura porque ela os degrada bastante.

Fazer o plantio de alguma leguminosas antes do plantio da mandioca ajuda muito a proteger o solo e melhorar a produção, ele pode ser feito utilizando por exemplo o feijão-bravo-do-Ceará e feijão de-porco que quando estiverem quase ao final do desenvolvimento podem ser roçados e deixados na área para cobrir o solo e evitar o surgimento de plantas invasoras, incorporar matéria orgânica e conservar por mais tempo a umidade do solo. 

Para saber mais sobre como protejer o solo de plantas invasoras clique aqui

A área utilizada para plantio pode ter até 5 % de declividade e após dois anos de cultivo na mesma área deve-se fazer a rotação de cultura, que pode ser feita utilizando milho, soja, feijão , amendoim, arroz ou algodão.

A calagem e a adubação em mandioca devem ser definidas em função da análise química do solo, realizada uns 60 dias antes do plantio, para que haja tempo suficiente para aquisição dos insumos e sua aplicação a pelo menos 30 dias antes do plantio, a recomendação das quantidades deve ser feita por um técnico da área.





Adubos utilizados e formas de aplicação :
Para calagem utilizar calcário dolomítico , que já fornecerá o cálcio e magnésio. Incorporar eles no solo a 20 cm ou mais, o pH do solo deve ficar entre 5,5 a 7,0;

Para adubação nitrogenada pode ser feita à aplicação de adubos orgânicos (estercos, tortas, compostos, adubos verdes e outros). Eles devem ser aplicadas na cova, sulco ou a lanço, no plantio ou com antecedência;


Para adubação fosfatada aplicar o superfosfato simples que já contém o enxofre e deve ser aplicado no fundo da cova ou do sulco de plantio;

Os adubos potássicos mais utilizados são o sulfato de potássio e o cloreto de potássio. Em solos muito arenosos dividir a quantidade em duas para aplicar uma no plantio e outra em cobertura.




Fontes :

https://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/FontesHTML/Mandioca/mandioca_amapa/adubacao.htm      


https://www.agencia.cnptia.embrapa.br/Repositorio/Mandioca3_000g7pb087302wx5ok0wtedt3q26f1nv.PDF


http://atividaderural.com.br/artigos/5602f02fc372a.pdf


https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/112346/1/Apostila-Mandioca.pdf


https://www.flickr.com/groups/espetacularesfantasticas/


Quem somos? 


A Manejebem é uma empresa de base tecnológica que gera inteligência para o desenvolvimento de comunidades rurais familiares. As nossas soluções ajudam a estruturar a cadeia produtiva agrícola, através da promoção da  inteligência para a tomada de decisão no campo e da geração de produtos rentáveis com responsabilidade social, sendo o único que coleta dados sócio-agroambientais de forma confiável, segura e atualizada da agricultura familiar.  


Atualmente a ManejeBem possui 2 grandes projetos: 


Comunidade ManejeBem: A rede social GRATUITA, com plantão agronômico GRATUITO e desenvolvida exclusivamente para agricultores e técnicos. CLIQUE AQUI e cadastre-se.


ManejeApp: Aplicativo que gera inteligência para a melhoria da produção agrícola. CLIQUE AQUI e conheça um pouco mais sobre esta tecnologia. 


Palavras-chave: Agricultura familiar; tecnologia para agricultura familiar; desenvolvimento sustentável da agricultura familiar; agricultura familiar no Brasil; tecnologia na agricultura; tecnologia agrícola; agricultura familiar e orgânica; agricultura orgânica no Brasil; produção orgânica; produção orgânica no Brasil; produção sustentável e orgânica; tecnologia para agricultura orgânica; produção familiar; agricultura familiar no mundo.


 

* Clique na foto para ver a imagem ampliada

Cadastrar/Editar Manejo/Produto

* palavras chaves separadas por vírgula. máx. 5